Como montar uma carteira de investimentos

Como montar uma carteira de investimentos

Como montar uma carteira de investimentos

Para a grande maioria das pessoas que estão começando a se aventurar no mercado financeiro, uma dúvida se mostra como a mais comum: como montar uma carteira de investimentos?

Mesmo que já está um pouco mais habituado com a prática, podem existir algumas dúvidas em relação ao assunto. Não se preocupe, a BM Capital pode te ajudar. Vamos começar com a leitura do post de hoje sobre como montar uma carteira de investimento.

O que é uma carteira de investimentos?

Uma carteira de investimentos são todas as aplicações financeiras, de ativos de renda variável ou de renda fixa, de um mesmo investidor, seja ele uma pessoa física ou jurídica. A carteira de investimentos é um retrato da forma como você aloca as suas aplicações.  

É importante entender bem o conceito, especialmente os investidores menos experientes, para que, assim, saibam bem como montar e administrar sua carteira a fim de atingir uma rentabilidade satisfatória. Por meio da gestão de suas carteiras, os investidores estarão fazendo seu dinheiro multiplicar e, ao mesmo tempo, protegendo seu patrimônio da inflação e das oscilações de mercado.

Como montar uma carteira de investimentos:

  • O primeiro passo para montar uma carteira de investimentos é entender bem qual é o seu perfil como investidor. Isso significa entender qual é a sua preferência em termos dos tipos de investimentos. 

Os perfis podem variar entre os mais conservadores, que preferem investimentos mais previsíveis, aos mais arrojados, que enxergam os riscos como oportunidades.

  • O segundo ponto a ser avaliado é o prazo dos seus objetivos com os seus investimentos, observando se são de curto, médio ou longo prazo. Isso é determinante, pois objetivos a longo prazo permitem que o investidor assuma um risco maior, se ele se sentir confortável com isso. Por outro lado, um objetivo de curto prazo tende a ser mais limitado em termos de poder assumir risco, pois o dinheiro reservado para aquele objetivo tem que estar disponível em pouco tempo.
  • Ao montar uma carteira de investimento também é indicado diversificar os investimentos com ativos de características diferentes, contando com aplicações de renda fixa e renda variável. Mas lembre-se de que não há receita de bolo, o mais importante é que todos os investimentos respeitem tanto o perfil quanto os prazos do investidor.

Uma sub carteira, também conhecida como carteira tática, pode ajudar com que seja possível aproveitar oportunidades de curto prazo que surgem em virtude de distorções temporárias no mercado financeiro, mas isso é assunto para um outro texto.

Concluindo

Para quem não conta com experiência e conhecimento acerca do mercado financeiro, mas quer investir, o ideal é contar com a orientação de um consultor financeiro. 

E é exatamente isso que você encontra na BM Capital. Nossa marca é sinônimo de excelência na consultoria de investimentos, que é realizada por pessoas altamente qualificadas para orientar investidores que estão em busca de um planejamento financeiro adequado.

Para saber mais, entre em contato com a nossa equipe e continue acompanhando o nosso blog. Até a próxima!